De Jardim América para Paris

Bastam cinco minutos de conversa com ela pra gente ficar mais motivado, querer arregaçar as mangas e fazer mais. Assim é a artesã Ana Lúcia, líder do grupo Fuxicarte, do Jardim América, no Rio de Janeiro. Dona de um sorriso cativante, Lúcia, como costumamos chamar, é daquelas que contagiam com sua palavra e energia.

Lucia Costureira Fuxicarte Fuxicarte

Quando conhecemos o Fuxicarte, a Lúcia fazia fuxicos, aquelas bolinhas de tecido estampado recheadas de enchimento. E foi a partir desta sua técnica que surgiu aquele que seria um grande sucesso na Rede Asta: a Almofada Fuxicão. Foi durante uma oficina realizada com o grupo para o desenvolvimento de um produto que tivesse mais apelo para a venda, que surgiu a ideia. Nossa designer trabalhou junto com as artesãs buscando criar um item de qualidade e com boa aceitação no mercado e viram no fuxico a possibilidade de transformá-lo em almofada. “Mas quem vai gostar dessa almofada fuxicão?”, disse Lúcia. No início, ela não acreditou muito, mas o tempo provou o contrário, pois nossos clientes verdadeiramente AMAM o fuxicão. 

ana lucia artesã Ana lucia fazendo fuxicão

 

Lúcia nasceu em São Fidelis em uma família de oito irmãos. Sua mãe acreditava que ela devia estudar, casar e viver para a família, sem trabalhar. Mas isso sempre a incomodou porque ela queria alcançar muito mais. Já morando no Jardim América, ela foi fazer um curso no CIEDS voltado para 38 jovens de várias comunidades. A partir do que aprendeu conseguiu ganhar seus primeiros valorosos  cinquenta reais. “Foi o primeiro dinheiro que ganhei por mim mesma e depois disso tomei gosto em ter minha própria renda”. Do curso, só restou ela e o desejo de buscar sua independência financeira. Então, convidou quatro amigas e optaram por fazer fuxicos como produto, dando início ao Fuxicarte. O grupo já participou de feiras e eventos como o Fashion Week Rio e está sempre em busca de melhorar seu carro-chefe para conquistar novos clientes. As artesãs formam uma verdadeira família e se conhecem desde muito jovem, pois vivem na mesma comunidade. 

 

grupo de artesãs fuxicarte artesãs do fuxicarte

 

O trabalho e espírito empreendedor de Lúcia fez com que a artesã ganhasse o Prêmio Internacional de Microfinanças conferido pelo Grupo PlaNet Finance em 2012. Ela foi escolhida por um júri de nove pessoas do mundo de microfinanças como a melhor microempreendedora do Ano. A premiação aconteceu no Museu do Louvre, em Paris, para onde ela foi pessoalmente viver um momento de reconhecimento que jamais esqueceria (foto).

 

 O Fuxicarte está na Rede Asta desde 2007. Sua produção não para de crescer e as artesãs vem abraçando novos desafios. Em 2015, participaram de um projeto para atender um de nossos clientes corporativos e isso as motivou ainda mais. Elas produziram 200 unidades de bolsas por semana, totalizando 1.700 peças, provando para si mesmas que podem fazer muito!

Para Jussara, o artesanato foi o pontapé de tudo na sua vida. “Ele não é só a questão do dinheiro, mas é a questão do amor”. Já a Liliane, outra artesã do grupo, diz: "a Asta está dando oportunidade para donas de casa, como eu, artesãs podermos realizar nossos sonhos através do nosso trabalho, das nossas mãos.” 

Lúcia participou do TEDx Jardim Botânico em 2012 junto com nossa diretora executiva Alice Freitas, onde contou toda essa bela história de sucesso: “O impossível aconteceu na minha vida e a transformação também aconteceu, porque meus filhos veem uma nova mulher e eu mesma me vejo uma Lucia nova.”

E assim, de fuxico em fuxico, elas vão transformando a si mesmas e suas dificuldades em oportunidades.

Para conhecer outras histórias de artesãs, clique aqui.